Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Governo quer elaborar ações para profissionais do sexo.

Iniciativa visa proporcionar ações educativas voltadas à qualidade de vida das prostitutas

Com o objetivo de elaborar políticas públicas de atenção às profissionais do sexo, a Secretaria da Mulher de Pernambuco (SecMulher-PE) e o Centro de Prevenção às Dependências (CPD) assinaram um Termo de Convênio Técnico-Operacional, na tarde de quinta-feira (22), para começar a construção do Comitê Interinstitucional Pró-Mulher Profissional do Sexo. A iniciativa visa a proporcionar ações educativas voltadas à qualidade de vida das prostitutas, por meio de ações estruturadas no enfrentamento da violência sexual e doméstica, doenças sexualmente transmissíveis, com foco no HIV.

A secretária da Mulher, Sílvia Cordeiro, comentou que um dos principais objetivos da ação é o empoderamento da mulher. “A secretaria visa empoderar as mulheres, dar voz, para que elas sejam reconhecidas na sua condição de mulher, seja negra, homossexual ou prostituta”, disse. 

Entre as propostas do comitê, estão oficinas, ações de formação e rodas de conversa e promoção de direitos que vão até o local onde as mulheres convivem. Levar formação às profissionais do sexo, no local onde se encontram, é uma ação inovadora no Estado.

A Coordenadora do Centro de Prevenção às Dependências, Ana Glória destacou os benefícios da iniciativa, que faz uma parceria com o projeto Sexo Legal, ação que traz o exercício da cidadania e dos direitos humanos e trabalha a elevação da escolaridade dessas mulheres. “Estamos efetivando um termo de convênio com a Secretaria da Mulher para a construção de um comitê que visa à implantação de políticas públicas que atendam as necessidades das profissionais do sexo”, contou.

Prostituta desde os 20 anos de idade, Vânia Rezende, hoje com 64, espera que o comitê venha fortalecer a classe. “A expectativa é que esse comitê venha dar forças ao nosso movimento. Temos várias demandas, como a questão da violência”, ressaltou.

Fonte: Folha PE

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.