Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Empresa investigada pela PF doou 1,5 milhão para campanha de Paulo Câmara

Outros 2,3 milhões foram distribuídos entre 21 candidatos de diversos partidos, com uma média de R$ 109 mil por candidato

Investigada como suspeita de financiar a compra do avião Cessna envolvido no acidente fatal de Eduardo Campos, a Lidermac Construções fez, apenas em 2014, doações de R$ 3,8 milhões para campanhas políticas. Deste montante, 1,5 milhão favoreceu o PSB e a campanha do governador Paulo Câmara, escolhido por Eduardo Campos para disputar o governo de Pernambuco. Os outros 2,3 milhões foram distribuídos entre 21 candidatos de diversos partidos, com uma média de R$ 109 mil por candidato.

A investigação que culminou na Operação Vórtex, deflagrada na manhã desta terça-feira (31), apontou que as doações a campanhas políticas aumentaram de forma exponencial ao longo dos últimos anos. Em 2006, foram doados R$ 30 mil. Em 2008, o valor caiu para R$ 3 mil. Em 2010, o montante chegou a R$ 270 mil. Em 2012, esse valor chegou a R$ 1,4 milhão. Em 2014, as doações alcançaram os 3,8 milhões.

Fonte: Folha PE

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.