Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Moradores de seis cidades do Rio Grande do Sul elegem novos prefeitos

Novos pleitos foram realizados após eleitos terem registros cassados. Quem não votou poderá justificar a ausência a partir do dia 17 de março.

Seis cidades do Rio Grande do Sul elegeram novos prefeitos neste domingo (12). Os pleitos complementares foram realizados em Arvorezinha, no Vale do Taquari; Butiá, na Região Carbonífera; Gravataí, na Região Metropolitana de Porto Alegre; Salto do Jacuí, na Região Noroeste; São Vicente do Sul, na Região Central e São Vendelino, no Vale do Caí.

Arvorezinha
Rogerio Felini Fachinetto (PDT) foi eleito ao obter 3.913 votos, o que corresponde a 50,84% dos votos válidos na disputa. Ele superou Jaime Talietti Borsatto (PP).
- Rogerio Felini Fachinetto (PDT): 3.913 (50,84%)
- Jaime Talietti Borsatto (PP): 3.784 (49,16%)

Butiá
Daniel Pereira de Almeida (PT) foi eleito ao obter 6.187 votos, o que corresponde a 51,03% dos votos válidos na disputa. Ele superou Fernando Ruskowski Lopes (PP).
- Daniel Pereira de Almeida (PT): 6.187 (51,03%)
- Fernando Ruskowski Lopes (PP): 5.938 48,97%)

Gravataí
Marco Aurelio Soares Alba (PMDB) foi eleito ao obter 48.211 votos, o que corresponde a 40,04%% dos votos válidos para a disputa. Seis candidatos disputaram a vaga ao cargo na cidade: Rosane Massulo da Silva Bordignon (PDT), segunda colocada no pleito, além de Anabel Lorenzi (PSB), Rafael Linck Moehlecke (PSOL), Valter Luiz Amaral da Silva (PT) e Sadão Makino (PSTU).
- Marco Aurelio Soares Alba (PMDB): 48.211 votos (40,04%)
- Rosane Massulo da Silva Bordignon (PDT): 44.195 votos (36,70%)
- Anabel Lorenzi (PSB): 23.490 votos (19,51%)
- Rafael Linck Moehlecke (PSOL): 2.984 votos (2,48%)
- Valter Luiz Amaral da Silva (PT): 1.169 votos (0,97%)
- Sadão Makino (PSTU): 373 votos ( 0,31%)

Salto do Jacuí

Claudiomiro Gamst Robinson (PDT) foi eleito ao obter 4.149 votos, o que corresponde a 62,24 % dos votos válidos na disputa. Ele superou Altenir Rodrigues da Silva (PP), o Nico.
- Claudiomiro Gamst Robinson (PDT): 4.149 votos (62,24%)
- Altenir Rodrigues da Silva (PP): 2.517 (37,76%)

São Vendelino

Evandro Luis Schneider (PTB) foi eleito ao obter 1.109 votos, o que corresponde a 55,81% dos votos válidos na disputa. Ele superou Caren Isabel Schneider Dalcin (PMDB).
- Evandro Luis Schneider (PTB): 1.109 votos (55,81%)
- Caren Isabel Schneider Dalcin (PMDB): 878 votos (44,19%)
São Vicente do Sul
Paulo Sergio Rodrigues Flores (PMDB) foi eleito ao obter 2.883 votos, o que corresponde a 52,06% dos votos válidos na disputa. Ele superou Fernando da Rosa Pahim (PP).
- Paulo Sergio Rodrigues Flores (PMDB): 2.883 votos (52,06%)
- Fernando da Rosa Pahim (PP): 2.655 votos (47,94%)

Eleição suplementar
A votação ocorreu porque os candidatos mais votados em 2016 tiveram seus registros cassados pela Justiça eleitoral. "Nesses municípios, o problema foi o registro irregular do prefeito que foi eleito. Então, por isso, tivemos pressa em julgar para não ficar prefeito interino", explica a desembargadora Liselena Ribeiro, presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS).

Em Gravataí, o candidato mais votado teve os direitos políticos cassados após ter sido condenado em 2012 por improbidade administrativa, quando esteve à frente da prefeitura. A mesma situação foi registrada em São Vendelino, no Vale do Caí.

Em Arvorezinha,  Butiá, Salto do Jacuí e em São Vicente do Sul os candidatos que receberam a maioria dos votos tiveram os registros cassados por conta da lei da Ficha Limpa, que a impede a candidatura de pessoas que já tiveram condenações judiciais.

Quem não votou poderá justificar a ausência pela internet a partir da próxima segunda-feira (17). O procedimento pode ser realizado pelo site do TRE-RS ou em um dos cartórios eleitorais e centrais de atendimento ao eleitor (consulte aqui onde fica o local mais próximo).

Fonte: G1 Rio Grande do Sul

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.