Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Partidos pedem anulação da delação da JBS na Câmara

Lideranças de 17 partidos e da base aliada de Temer apresentaram proposta para pressionar anulação de delações

Na noite desta terça-feira (23), lideranças do governo Temer e de 17 partidos políticos apresentaram proposta de revisão, fiscalização e controle da delação firmada por executivos da JBS na Mesa da Câmara dos Deputados. No documento, o acordo de delação foi chamado de “crime perfeito”.

Segundo notícia veiculada pelo jornal “Folha de São Paulo”, os partidos que endossam a proposta são PP, PSC, PT, PMDB, PSDB, DEM, PR, PTB, PRB, Podemos, PV, PEN, PT do B, PSL, PHS e PSD. O documento é assinado pelos deputados Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) e André Moura (PSC-SE), líderes do governo na Câmara e no Congresso, respectivamente. No total, 448 dos 513 deputados apoiam a proposta.

A proposta foi encaminhada pela Mesa para a Comissão de Finanças e Tributação. O pedido é para que a Câmara realize fiscalização com o Tribunal de Contas da União (TCU) e, caso precise, com outros órgãos como Comissão de Valores Mobiliários, Ministério da Transparência, Advocacia-Geral da União (AGU) e Banco Central.

Compra de dólares

O documento cita a compra de dólares por parte do grupo empresarial liderado por Joesley Batista na antecedência da divulgação da denúncia. No dia seguinte, a moeda americana teve alta de 8%. O acordo dos executivos da JBS prevê perdão judicial dos delatores, com possibilidade de dar prosseguimento aos negócios e sair do país sem retenção do passaporte, o que permite com que continuem com acesso aos seus recursos financeiros.

Fonte: JC Online

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.