Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Deu no Blog de Inaldo Sampaio: Transferência de votos é o maior desafio dos Mendonça

João Mendonça pede votos para Luiz Carlos, e Mendonça Filho para Gilvandro Estrela

Uma das coisas mais difíceis na política é transferir votos, pois uma coisa é o líder ser candidato e outra muito diferente é ele pedir votos para terceiros. É este o desafio com que se deparam no momento dois influentes membros da família Mendonça, de Belo Jardim, onde haverá eleição para prefeito no próximo dia 2/7. O prefeito cassado João Mendonça adotou como candidato seu ex-vice Luiz Carlos e, o ministro Mendonça Filho, o vereador Gilvandro Estrela. João elegeu-se prefeito em 2000, 2004, 2012 e 2016, e em 2008 contribuiu para a vitória do empresário Marcos Coca-Cola. Já o ministro amargou dois insucessos com os candidatos que apoiou em 2012 (Andréa Mendonça) e 2016 (Doutor Maneco). Ressalte-se que na eleição de Ipojuca o prefeito eleito (e depois cassado) Romero Sales conseguiu transferir seus votos para a mulher, Célia, atual prefeita, restando agora saber se João vai conseguir transferir os dele para o candidato do PSB.

O salto para a Alepe

Estão praticamente decididos a disputar uma vaga na Assembleia Legislativa os vereadores recifenses Marco Aurélio (PRTB) e Rinaldo Júnior (PRB). O primeiro contará com apoio dos “Coelho” de Petrolina (o senador Fernando Bezerra, o ministro Fernando Filho e o prefeito Miguel Coelho), e o segundo da Força Sindical da qual é o presidente em Pernambuco.

Convite – O ex-vereador Sérgio Magalhães, ora filiado ao PMN, andou sendo sondado por amigos do advogado Antônio Campos para assumir a presidência do “Podemos” no Recife.

Tabelinha – A líder da bancada do PSB na Câmara Federal, Tereza Cristina (MS), não dá um passo naquela Casa sem consultar previamente o seu antecessor no cargo, Fernando Filho, ministro de Minas e Energia do governo Temer.

Política – O procurador da República Nicolao Dino, mais votado da lista tríplice de onde deverá sair o substituto de Rodrigo Janot, é irmão do governador do Maranhão, Flávio Dino, mas têm visão de mundo opostas. Nicolau sempre foi conservador e Flávio, correligionário do vice-prefeito do Recife, Luciano Siqueira, pertence ao PCdoB.

Filme – “Real – O plano por trás da história”, exibido anteontem, no Recife, na abertura do Cine PE, deixa muito a desejar do ponto de vista histórico. Apresenta Gustavo Franco como se fosse o “pai” do Plano Real, deixando o então ministro da Fazenda, FHC, em plano secundário.

Renúncia – Com a presença dos pernambucanos Carlos Siqueira, Paulo Câmara e Geraldo Júlio, a direção nacional do PSB vai se reunir hoje em Brasília para uma nova avaliação do governo Temer. O partido, em seu horário político que foi ao ar na última 5ª feira, defendeu a renúncia do presidente e a realização de “diretas já”.

E as provas? – O TRF da 4ª região, que tem sua sede em Porto Alegre, confirmou até agora mais de 90% das sentenças proferidas pelo juiz Sérgio Moro. Mas deixou o magistrado em maus lençóis ao absolver o ex-tesoureiro nacional do PT, João Vaccari Neto, por achar que ele foi condenado sem provas a 15 anos de prisão.

Fonte: Inaldo Sampaio
Postado no Blog de xucuru

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.