Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Petrobras anuncia redução de 2,8% no preço da gasolina

Trata-se do 5º corte seguido. Preço do litro cairá 2,84% a partir desta terça-feira (29), passando de R$ 2,0096 para R$ 1,9526.

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira (28) um novo reajuste no preço da gasolina nas refinarias. O preço do litro da gasolina cairá 2,84% a partir desta terça-feira (29), passando de R$ 2,0096 para R$ 1,9526.

Já o preço do diesel segue congelado em R$ 2,1016, conforme anteriormente anunciado devido a um acordo da estatal com o governo brasileiro em meio à greve de caminhoneiros.

Trata-se do 5º corte consecutivo. Na sexta passada, a empresa tinha reduzido em 0,31% o valor da gasolina, diminuição que seria válida a partir desta segunda. Em maio, já foram anunciadas 12 altas e 6 quedas no preço da gasolina. Veja tabela abaixo:
Apesar do novo anúncio de redução no preço da gasolina nas refinarias, o repasse do corte para o valor pago pelos consumidores nas bombas depende dos donos dos postos e pode demorar a chegar, uma vez que os protestos de caminhoneiros continua afetando a distribuição e o abastecimento no país, mesmo após anúncio do governo federald e novas medidas para por fim à paralisação.

A Petrobras adotou novo formato na política de ajuste de preços em 3 de julho do ano passado. Segundo a nova metodologia, os reajustes acontecem com maior frequência, inclusive diariamente, refletindo as variações do petróleo e derivados no mercado internacional, e também do dólar.

Desde julho, o preço da gasolina comercializado nas refinarias acumula alta de 48,61% e o do diesel, valorização de 55,09%, segundo o Valor Online.

Diesel terá reajuste mensal após redução de preços por 60 dias
A Petrobras anunciou na semana passada que o preço do diesel comercializado em suas refinarias ficará inalterada por 15 dias, até 7 de junho. "Após essa data, será aplicado o novo programa anunciado pelo governo", informou a estatal em comunicado divulgado nesta segunda.

Na véspera, o presidente Michel Temer anunciou uma redução de R$ 0,46 no preço do litro do diesel por 60 dias, mediante redução da carga tributária e da subvenção a ser paga pela União.

"A redução inicial será mantida por 60 dias e após esse prazo os ajustes de preço do diesel passarão a ser mensais", destacou a Petrobras, acrescentando ainda "que a companhia não subsidiará o preço do diesel e não incorrerá em prejuízo, uma vez que será ressarcida pela União, em modalidade ainda a ser definida".
Preços nos postos
Levantamento divulgado nesta sexta-feira (25) pela Agência Nacional do Petróleo, do Gás Natural e dos Biocombustíveis (ANP) mostrou que o preço médio do diesel e da gasolina nas bombas terminou a semana em forte alta, mesmo com as redução de preços nas refinarias.

O avanço do preço do diesel nos postos foi de 5,3%, passando de R$ 3,595 por litro para R$ R$ 3,788. Já em relação ao preço médio da gasolina houve aumento de 3,52%, com o valor passando de R$ 4,284 por litro para R$ 4,435 em média. Foi o maior aumento semanal dos preços da gasolina desde julho de 2017, quando o governo anunciou o aumento dos impostos sobre os combustíveis.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.