Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Como não cair no golpe do aluguel de casas para temporada

Procon e a Prefeitura do Recife alerta os consumidores para que as férias não se tornem um pesadelo

Período de férias é uma época já conhecida pelo aumento no aluguel de casas para temporada. No entanto, alguns cuidados são necessários para quem deixa para fazer a pesquisa desses locais de última hora. Por isso, o Procon e a Prefeitura do Recife alerta os consumidores para não caírem em golpes e transformar as férias em pesadelo.

De acordo com o Procon Recife, os golpistas roubam as fotos de um imóvel na internet e veiculam um anúncio falso em sites públicos de locação, compra e venda de imóveis. “A facilidade proporcionada pela internet e redes sociais, requer que se obtenha o máximo de informações e alguns cuidados na hora de alugar, evitando que a temporada na praia ou no campo se transforme em uma viagem desastrosa”, reforça a presidente do Procon Recife, Ana Paula Jardim.

Ana ainda orienta que, se a contratação for feita por aplicativo, o consumidor salve ou imprima as telas, pois o aplicativo de locação ou intermediação responde em caso de problemas. Ele é solidariamente responsável por problemas com a locação, conforme o Código de Defesa do Consumidor. O órgão ainda alerta para desconfiar de ofertas que chegam por Whatsapp ou são compartilhadas em redes sociais, principalmente pelo Facebook.

Dicas do Procon:
-Evite alugar casas em que o proprietário ofereça um valor muito abaixo do que vale. A maioria dos golpes são aplicados com casas incríveis e por um valor muito acessível, o que atrai facilmente muitas pessoas, que interessadas em economizarem acabam perdendo dinheiro.

-Nunca aceite qualquer tipo de acordo informal. Todas as regras e normas acordadas entre o locador e o locatário devem estar no contrato. Mesmo que a viagem dure apenas um final de semana, é bom fazer um contrato de locação, que sempre estabelecerá em quais condições gerais o imóvel está sendo alugado, o que evitará futuras dores de cabeça. Isso também serve como garantia no caso de se precisar iniciar um processo judicial por algum problema posterior.

-Verifique se o acordo prevê seguro para um eventual reparo urgente no imóvel durante a estadia. Imprevistos podem acontecer e caso seja necessário contratar um profissional para lidar com o problema que esteja fora das cláusulas do contrato. O valor do serviço pode ser abatido das despesas do aluguel.

-Se por algum motivo você tenha desconfiado do negócio, fique atento! Na dúvida, melhor perder o negócio do que perder o dinheiro!

-Após finalizar sua compra em qualquer site, você receberá um comprovante ou aparecerá uma tela de confirmação da compra. É de extrema importância que você você guarde todos os comprovantes e indícios de que a reserva do imóvel para suas férias foi finalizada para, assim, evitar dor de cabeça.

-Se o anunciante pedir para que você deposite na conta de terceiros, desconfie. Muitos utilizam nomes falsos para realizar o anúncio e utilizam contas de "laranjas" para receber os valores. Portanto, se for depositar um valor de reserva, peça uma conta nominal do anunciante e o CPF do mesmo.

-Sites sérios de compras pela internet nunca pedirão para você fornecer os dados do seu cartão de crédito, por exemplo, por e-mail. Se você recebeu uma solicitação como esta, fique esperto e pare agora a transação. Tenha total atenção também a erros de português ou anexos suspeitos.

- Se as condições da casa forem diferentes do que foi prometido, o locatário tem o direito de exigir a devolução do valor pago, como garante o artigo 35 do Código de Defesa do Consumidor.

- Para receber o dinheiro de volta, o inquilino precisa desistir de ficar no imóvel. Se optar por permanecer no local, o consumidor pode negociar um abatimento no preço, proporcional à queda na qualidade das características ofertadas. Em caso de problema com o proprietário, procure o Procon Recife. Mas se perceber que caiu em um golpe vá até a delegacia mais próxima registrar a ocorrência.

Fonte: Folha PE

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.