Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Ex-prefeito admite ter roubado menos que o sucessor


O ex-prefeito de Cocal, no Piauí, José Maria Monção,  afirmou, em convenção do MDB que “roubou menos” do que o atual gestor do município, Rubens Vieira (PSDB). “Fui prefeito 3 vezes, sei do sofrimento. Mas também não roubei o tanto que esse aí roubou, não. Esse é descarado, tá afundando o Cocal”, disse.



“Acima de tudo, acho que nós temos que mudar o Cocal. Não é que o Cocal também seja o fim do mundo, mas com essa administração todos padecem. Eu fui prefeito três vezes, eu sei o sofrimento, mas também não roubei o tanto que esse ai roubou não. Esse é descarado, está afundando o Cocal”, declarou.


Monção já foi preso preventivamente em 2009, na  Operação Harpia, deflagrada pela Polícia Federal, por suspeita de participar do desvio de R$ 2,6 milhões do Fundeb (Fundo de Educação Básica). Em 2015, ele foi detido por falsificação de documentos da Câmara Municipal em meados de 2010 para aprovar as contas da sua gestão como prefeito e poder concorrer como deputado na eleição daquele ano. A pena foi convertida em serviços comunitários. As informações são do Estadão.


Durante a fala, o ex-prefeito admitiu ter “tirado algo dos pobres” e falou que sua prisão teve um motivo.


Fonte: Wildes Brito

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.