Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Ex-Barcelona revela detalhes da 'Operação Mbappé', que naufragou após clube optar por atacante de R$ 392 milhões

Num passado não tão distante, em agosto de 2017, o Barcelona esteve próximo de negociar a contratação de Kylian Mbappé, atacante do Paris Saint-Germain e um dos destaques da seleção da França no título da Copa do Mundo de 2018.


Porém, a equipe catalã não avançou nas conversas e acabou optando por Ousmane Dembélé, à época no Borussia Dortmund, e que custou R$ 392 milhões aos cofres.

Quem revelou a história foi Javier Bordas, um dos dirigentes responsáveis pelo futebol do Barcelona na gestão de Josep Maria Bartomeu.


Em longa entrevista ao diário Mundo Deportivo, da Catalunha, o ex-cartola do clube explicou que o Real Madrid, um dos predadores do mercado de transferências, estava fora das negociações por Mbappé naquele momento, deixando o caminho livre para o Barcelona, que não aproveitou a chance.


"Quando íamos fazer a contratação do Dembélé, o empresário Josep Maria Minguella nos chamou e disse que o Mbappé poderia ser negociado. Eu conversei com o Bartomeu e ele me pediu que ficasse de olho. Chamei o pai dele e ele me disse que o filho não poderia ir ao Real Madrid por que já tinham Cristiano Ronaldo, Benzema e Bale, e o Barcelona poderia contratá-lo, uma vez que não tinhamos mais o Neymar".


Na época, o Barcelona havia negociado a venda de Neymar para o Paris Saint-Germain e buscava um substituto à altura e que fosse promissor no mercado europeu. E quem fez a escolha para que o clube contratasse Ousmane Dembélé junto ao Borussia Dortmund foi Robert Fernández, então secretário-técnico do clube.


"O presidente do Monaco preferia que ele fosse ao Barcelona do que reforçar um rival direto como o PSG. E por 100 milhões de euros, algo em torno de R$ 500 milhões, poderíamos ter feito isso. Mas, o Robert Fernández preferia o Dembélé e ele teve o apoio do Pep Segura. A explicação era de que Dembélé atuava para a equipe, enquanto Mbappé era muito individualista. Robert queria mais um atacante aberto do que um finalizador", finalizou.


Em quase quatro temporadas com a camisa do Barcelona, Dembélé acumula 22 gols e inúmeras lesões, sem conseguir se firmar como titular com o passar dos anos no time catalão.


Fonte: Msn.com

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.