Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Celpe concede desconto de 30% para quem tem contas atrasadas acima de seis meses

O programa tem início na próxima segunda-feira e o valor pode ser quitado à vista ou parcelado no cartão de crédito


Consumidores da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) que tenham contas em atraso com mais de seis meses poderão, a partir da próxima segunda-feira (15), quitar suas dívidas com 30% de desconto no valor total do débito. A campanha Saldão 30% vai permitir ainda o pagamento à vista ou parcelado em 12 vezes no cartão de crédito - acrescido dos juros do cartão. O cliente que desejar quitar suas faturas vencidas podem procurar as lojas da Celpe ou entrar no portal da Celpe, na área negociação de dívidas, e fazer todo o processo on-line. Ao final, ele vai escolher a forma de pagamento. 

Essa é primeira vez que a Celpe promove esse tipo de negociação e o programa, que terá duração de um mês, está aberto a todo tipo de cliente, seja ele residencial, comercial, industrial, poder público ou qualquer outro que possua faturas com mais de seis meses de atraso no pagamento. Decidimos fazer isso porque entendemos que temos um papel social e podemos contribuir com a recuperação econômica em todas as classes, pois todos fomos afetados de alguma forma pela pandemia. Serão 30 dias de negociação intensa para que o maior número de clientes seja contemplado”, afirmou o superintendente de Gestão da Receita, Marcelo Fernandez.


Nos últimos 12 meses, a concessionária buscou ampliar suas formas de pagamento digital, principalmente, por causa da pandemia. As contas podem ser quitadas via PicPay, Pix, RecargaPay e débito em conta, além dos agentes bancários tradicionais. A fatura ainda pode ser entregue via e-mail, para evitar contato com o papel. O atendimento ao público foi ampliado ou passou a ser feito também pelo Whatsapp (32176990), Facebook, teleatendimento (116), site oficial (www.celpe.com.br) e nas tradicionais lojas de atendimento, que seguem todos os protocolos sanitários.


Fonte: Folha PE

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.