Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

Pernambuco tem janeiro com menor número de homicídios desde 2014

No comparativo entre janeiro de 2021 e janeiro de 2020, a redução foi de 11,6%


Em janeiro de 2021, Pernambuco contabilizou 297 homicídios, segundo balanço da Secretaria de Defesa Social (SDS-PE) divulgado nesta segunda-feira (15). O total é o menor para um mês de janeiro desde 2014, quando foram registrados 256 mortes.


No comparativo entre janeiro de 2021 e janeiro de 2020, a redução foi de 11,6%, uma vez que no ano passado a SDS-PE notificou 336 mortes violentas. O número de roubos também apresentou queda em janeiro, conforme balanço anterior do governo.

“A redução dos homicídios significa a proteção de vidas, tanto de possíveis vítimas e alvos, como de familiares e pessoas próximas que, de alguma forma, deixaram de ter contato com a violência e seus e feitos negativos. Para os profissionais que fazem a segurança pública, essa é a maior recompensa”, diz o secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua.


"Continuaremos fazendo as fiscalizações sanitárias e empregando o efetivo que estaria garantindo o Carnaval em ações de prevenção e repressão qualificada às organizações criminosas, especialmente aquelas envolvidas no tráfico de drogas, responsável por 70% das vidas perdidas em Pernambuco", completou Pádua.


Regiões

Agreste

janeiro de 2021: 59

janeiro de 2020: 84

redução de 29,76%


Região Metropolitana (exceto Recife)

janeiro de 2021: 82

janeiro de 2020: 95

redução de 13,68%


Zona da Mata

janeiro de 2021: 71

janeiro de 2020: 73

redução de 2,74%


Sertão

janeiro de 2021: 37

janeiro de 2020: 37

índice estável


Recife

janeiro de 2021: 48

janeiro de 2020: 47

aumento de 2,13%


Série histórica de homicídios em Pernambuco:

Janeiro de 2014 - 256

Janeiro de 2015 - 323

Janeiro de 2016 - 354

Janeiro de 2017 - 478

Janeiro de 2018 - 453

Janeiro de 2019 - 305

Janeiro de 2020 - 336

Janeiro de 2021 - 297


Violência contra a mulher

De acordo com a SDS-PE, o ano de 2021 começou também com menos queixas de violência doméstica e familiar contra a mulher em todas as regiões do Estado.


Em janeiro, contabilizaram-se 3.818 denúncias, contra 4.099 no mesmo período do ano passado. Isso significa uma redução de 6,86% desse tipo de crime. 


A região onde esse crime mais recuou foi o Sertão (-9,72%), seguido pelo Agreste (-7,64%), Zona da Mata (-6,39%), Recife (-5,86%) e Região Metropolitana (-5,17%). 

Também em queda, as estatísticas de estupro começam o ano com retração de 8,19%. Em janeiro de 2020, computaram-se 232 crimes de estupro, enquanto em janeiro deste ano foram 213. 


No primeiro mês deste ano, 25 mulheres foram assassinadas, sendo nove casos qualificados como feminicídios. No mesmo período de 2020, 21 mulheres perderam a vida para a violência, e em oito desses crimes a polícia apontou o feminicídio como motivação.


85 cidades sem homicídios

A SDS-PE ainda informou que, em janeiro de 2021, 85 municípios pernambucanos, incluindo o arquipélago de Fernando de Noronha não registraram homicídios. Confira a lista:


Abreu e Lima, Afogados da Ingazeira, Afrânio, Agrestina, Alagoinha, Aliança, Altinho, Angelim, Araripina, Barra de Guabiraba, Belém de São Francisco, Bodocó, Bom Conselho, Brejinho, Buenos Aires, Cabrobó, Cachoeirinha, Calumbi, Camutanga, Canhotinho, Capoeiras, Carpina, Catende, Cedro, Correntes, Exu, Feira Nova, Fernando de Noronha, Frei Miguelinho, Granito, Iati, Ibirajuba, Inajá, Ingazeira, Itacuruba, Itapetim, Jaqueira, Jataúba, Jatobá ,Jucati. Jupi. Lagoa do Ouro, Lajedo, Machados, Manari, Maraial, Mirandiba, Moreilândia, Palmeirina, Parnamirim, Passira, Poção, Quixaba, Ribeirão, Rio Formoso, Sairé, Salgadinho, Salgueiro, Santa Cruz, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Filomena, Santa Maria da Boa Vista, Santa Maria do Cambucá, SantaTerezinha, São Benedito do Sul, São Bento do Una, São Joaquim do Monte, São José da Coroa Grande, Serrita, Solidão, Surubim, Tacaimbó, Tacaratu, Tamandaré, Taquaritinga do Norte. Terezinha, Terra Nova, Toritama, Triunfo, Tupanatinga, Venturosa, Verdejante, Vertente do Lério, Vertentes, Xexéu. 


Fonte: Folha PE

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.