Fique atualizado com o

Motiva Gente News
recent

PE: confira os horários de funcionamento em vigor a partir desta quinta; há diferenças no Interior

Começa a valer nesta quinta-feira (1º) o novo Plano de Convivência com a Covid-19 em Pernambuco. A instauração do "novo normal" começa imediatamente ao fim da quarentena mais rígida, encerrada nessa quarta-feira (31).


O novo plano prevê as regras até o dia 25 de abril, um domingo. Até lá, na Região Metropolitana do Recife, as atividades econômicas podem reabrir das 10h às 20h nos dias de semana e das 9h às 17h aos sábados, domingos e feriados.

Já no Interior, para atender às peculiaridades da economia de cada cidade, o Governo do Estado autorizou uma flexibilização nos horários. Nos municípios da Zona da Mata, do Agreste e do Sertão, os estabelecimentos podem funcionar a partir das 5h e fechar antes das 20h, mas com dez horas contínuas. Esses horários valem para os dias de semana.


Aos finais de semana, as atividades no Interior poderão funcionar entre 6h e 17h, com oito horas contínuas. Os horários de cada cidade serão definidos pelo respectivo prefeito.


Praias podem voltar a ter atividades físicas individuais. Também estão permitidos os usos de calçadões, praças e parques.


Igrejas e atividades religiosas podem funcionar entre 5h e 20h durante a semana e 5h e 17h aos finais de semana e feriados na RMR. Os mesmos horários valem para a academias.


Serviços de alimentação, como bares, restaurantes e lanchonetes podem funcionar de 5h às 20h durante a semana e das 9h às 17h aos finais de semana. 


As escolas e universidades, públicas e privadas, têm o funcionamento para aulas presenciais liberados na segunda-feira (6), mas seguirão um cronograma gradual. 


Para escolas particulares, a retomada de aulas do 1° ao 5° ano se inicia na segunda-feira. Alunos das instituições privadas dos anos finais e Ensino Médio podem retomar ao ensino presencial a partir de 12 de abril.


Na rede estadual, a retomada começa em 19 de abril, com retorno do 3° ano do Ensino Médio, Educação Infantil e anos iniciais do Ensino Fundamental (1° ao 5° ano).


No dia 26 de abril, podem retornar às aulas presenciais na rede de ensino estadual os estudantes do 2° ano do Ensino Médio e dos 8° e 9° ano do Ensino Fundamental. Por fim, a rede pública de Pernambuco retomará aulas presenciais para alunos do 1° ano do Ensino Médio e 6° e 7° anos do Ensino Fundamental no dia 3 de maio. 


No caso das escolas municipais, o retorno pode ser iniciado a partir de 26 de abril, com calendário definido por cada cidade.


O Plano de Convivência considera os feriados da Sexta-Feira da Paixão, em 2 de abril, e de Tiradentes, em 21 de abril. Nesses dias, valem as regras de fim de semana.


Em coletiva realizada nessa quarta-feira (31), a secretária executiva de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Ana Paula Vilaça, informou que atividades econômicas irão retomar com restrições.


"O novo Plano de Convivência foi construído através de um processo de escuta e diálogo com os diversos segmentos e setores, com as prefeituras municipais, com as entidades representativas, para que as atividades sociais e econômicas possam voltar a funcionar seguindo protocolos sanitários rígidos, seguindo um controle de capacidade de ocupação, assim como horário reduzido", informou. 


De acordo com a secretária executiva, foi feito um escalonamento de horário. "A gente fez um escalonamento dessas atividades através de uma matriz de análise, avaliando a importância socioeconômica de cada atividade, cruzando com o risco de aglomeração e o risco de contaminação que essa atividade gera", informou Ana Paula Vilaça.  


Veja os detalhes do novo Plano de Convivência com a Covid-19:


Academias e similares

Abrem de 5h às 20h durante a semana e de 5h às 17h aos finais de semana e feriados com 1 aluno a cada 10 m². Está permitida a utilização de 30%  dos aparelhos de cardio e deve ser garantido o distanciamento mínimo de 2 metros

entre eles.


Serviços de alimentação

Abrem de 5h às 20h durante a semana e de 9h às 17h aos finais de semana e feriados com 50% da capacidade


Delivery, drive trhu e ponto de coleta podem seguir funcionando após as 20h durante a semana e depois das 17h aos finais de semana


Ciclofaixas destinadas a atividades de lazer ou recreativas

Liberadas a partir de 1º de abril


Clubes sociais, esportivos e agremiações

Suspensos até 25 de abril


Comércio varejista - Centro e bairros

Abrem de 10h às 20h durante a semana e de 9h às 17h aos finais de semana e feriados na RMR. No Interior, abrem das 5h às 20h, com dez horas contínuas nos dias de semana e das 6h às 17h aos finais de semana, com oito horas contínuas.


1 cliente a cada 10 m² para circulação e 1 cliente a cada 5 m² para lojas


Competições e práticas esportivas coletivas, profissionais ou voltadas ao lazer

Suspensas até 25 de abril


Escolas e universidades públicas e privadas

Abrem de 6h às 22h durante a semana e de 9h às 17h aos finais de semana e feriados com 50% da capacidade


Liberação será gradual, de acordo com níveis de ensino.


Escritórios comerciais e prestação de serviços

Abrem de 10h às 20h durante a semana e de 9h às 17h aos finais de semana e feriados com 50% da capacidade. No Interior, abrem das 5h às 20h, com dez horas contínuas nos dias de semana e das 6h às 17h aos finais de semana, com oito horas contínuas.


Estações de trabalho devem ter 1,5 de distanciamento entre si.


Eventos corporativos, sociais e culturais

Suspensos até 25 de abril


Igrejas e atividades religiosas

Abrem de 5h às 20h durante a semana e de 5h às 17h aos finais de semana e feriados com 30% de capacidade e limite máximo de 100 pessoas. Horários valem para todo as regiões do Estado.


Museus, cinemas e teatros

Suspensos até 25 de abril


Praias marítimas e fluviais, inclusive calçadões, parques e praças

Reabrem em 1º de abril. Proibido uso de guarda-sol e cadeiras e proibida a comercialização de bebidas e comidas


Shoppings centers e galerias comerciais

Abrem de 10h às 20h durante a semana e de 9h às 17h aos finais de semana e feriados na RMR. No Interior, podem funcionar entre 5h e 20h nos dias de semana, mas sem exceder dez horas contínuas de funcionamento. Aos sábados, podem abrir das 6h às 17h, com oito horas contínuas no máximo.


1 cliente a cada 10 m² para circulação e 1 cliente a cada 5 m² para lojas


Fonte: Folha PE

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.